Contos eróticos - Contos Pornô com Histórias Reais » Contos Picantes » Norinha deliciosamente gostosa sabe fuder

Norinha deliciosamente gostosa sabe fuder

Publicado em junho 19, 2020
4 votes

Olá meu nome é Joel(*)  tenho 60 anos cabelos grisalhos, alto, um coroa bem cuidado, viúvo, casado de novo, desse novo casamento tenho uma norinha muito gostosa com uma bunda bem redondinha, coxas torneadas de academia barriguinha sarada, peitinho de médio pra grande uma delícia. Sou tarado nela a gente fala muita besteira, digo pra ela que ela é muito gostosa.

Quando a gente se encontra, ela me abraça de frente. Aproveito pra apertar ela conta o meu corpo e deixo sempre a mão boba tocar no seio. Ou na bunda ela nunca reclamou e até facilita.

Bem… a algumas semanas minha mulher me disse que ela queria pintar o apto e que ia pedir pra eu pintar, pois eu faço isso no nosso apto e então. Logo passei um zap pra ele falando que estava sabendo que ela estava querendo uma pintada, ela riu muito e falou é estou mesmo mas quero que você me de essa pintada, falei na hora que você quiser to dentro. Brincamos muito, demos risada e então ela disse que ia ver o dia e me falava.

Fudendo a norinha gostosa

Bom passou uns dia ela me liga pra gente comprar a tinta, fomos na loja compramos tudo ficou combinado pra o dia seguinte, aí eu disse pra ela mandar as crianças lá pra casa por causa da bagunça e assim foi feito.

Cheguei lá no dia seguinte. Comecei a ajeitar as coisa pra começar a pintura, ela falou que ia trocar de roupa pra me ajudar quando volta chega com um shortinho mostrando a popinha da bunda e com uma camiseta aberta na frente mostrando os peitos, na hora o pau subiu, falei porra aí você mata o veio… ela riu e disse: Ué você não veio aqui pra me dar uma pintada ? Estou pronta e me deu uma roçada de peito na minha cara, na hora pensei caralho será que é verdade isso, mas não perdi tempo, acabei de abrir a camisa e segurei com as duas mãos aqueles peitos deliciosos, apertando até ela gemer. Tasquei um beijo na boca. Aí ela falou que tava louca pra dar pra mim porque minha mulher dizia que eu meto gostoso demais.

Cara na hora fiquei doido de tesão, levei ela pro quarto botei ela na cama quando tirei o shortinho tava peladinha. Já sem calcinha, bucetinha lisinha. Toda melada um capô de fusca de matar só de olhar. Meti a boca nos seus peitos. Chupei até cansar, fui descendo pela barriga até o umbigo. Meti a língua no umbigo logo ela pediu vai gostoso chupa minha buceta com força, meti a língua bem lá no fundo, chupava o grelo, ela se contorcia.

Fiquei ali por uns quinze minutos até ela gozar na minha boca, pensa numa buceta deliciosa com gosto de mel, depois que ela gozou. Ela falou agora é minha vez começou a me beijar na boca, foi descendo até o saco chupava minhas bolas passava a língua na cabeça do meu pau e engolia até o talo. Meu pau não é grande, tem 16 cm mas é grosso. Ela dizia é minha sogra tem sorte mesmo, olha que pau delicioso.

Mas cara.. na hora que ela meteu a língua no meu cu, cara que delícia, foi uma loucura, nunca tinha levado uma linguada tão gostosa. Depois ela voltou a chupar o meu pau, ficou fazendo carícia com o dedo no meu cu até eu gozar. Enchi a boca dela de porra, ela engoliu tudo ficamos. Descansamos por uns quinze minutos.

Voltei a dar mais uma chupada na buceta dela até que ela me falou mete essa rola da minha sogra nessa sua nova buceta, mete com força, arrebenta com ela como você faz com a sogrinha querida vai, mete! Coloquei ela de frango assado, deitei por cima, fui metendo até o talo e comecei a bombar com tudo que tinha direito. Ela gemia, gritava pedia me fode com força sogrinho safado, gostoso. Aquilo me dava um tesão, metia com vontade mesmo até que ela começou a gritar que ia gozar de novo gozamos feito loucos.

Quando acabamos caímos de lado e dormimos por uma hora mais ou menos. Acordei primeiro que ela e não aguentei dei, uma bela chupada naquela buceta gozada deixei ela limpinha ela me perguntou, quer mais uma? Falei, hoje não, temos que trabalhar, pois se não vão pensar que passamos o dia todo e não fizemos nada.

Trabalhei até umas seis hora, logo chegou meu enteado querido, ficou todo contente, me agradeceu falei que isso cara ? Tamos aí pra dar prazer pra minha norinha querida.

Bom fiquei uma semana pra acabar o serviço e todo dia a gente dava uma uma trepada antes da pintura. Agora pelo menos uma vez por semana passo por lá pra matar a saudade, ela sempre fala pra minha mulher que gosta muito de mim e que ela tem sorte de ter um sogrinho como eu. Espero que tenham gostado até o próximo!

4181 views

Contos relacionados

A mãe tarada e o filho nerd

A mamãe super tarada e o filho nerd vão ter uma boa trepada.. Ela está doida para tirar a virgindade do filho...

LER CONTO

Primeira vez da minha esposa fodendo com outro homem

Olá pessoal meu nome é Hebert(*) e minha esposa Vanusa(*) . Somos casados a 18 anos e sempre a imaginei dando para outros homens. Ela tem 37 anos, gordinha (mas cheinha por completo), branca,...

LER CONTO

Prazer em dobro, sonho realizado com 2 mulheres

Olá me chamo Bruno (nome fictício), vou relatar como realizei meu sonho de sair com duas mulheres. Conheci a Fernanda (fictício) e a Ingrid ( fictício) nas redes sociais, sai com a Ingrid na...

LER CONTO

Dando muito pro cara do badoo

Me chamo Gisela(*), tenho 25 anos, loira, gosto de treinar então tenho 60kg bem distribuídos, seios e bunda grandes, o que sempre fez os homens ficarem loucos. Em uma das minhas várias viagens a...

LER CONTO

Chupando a bucetinha da namorada na escada

Olá! Meu nome é Luciana(fictício) e vim contar uma história que aconteceu um tempo atrás. Conheci uma garota através da minha amiga, o nome dela é Verena (fictício) 18 aninhos, 1,60 de altura,...

LER CONTO

Quicando com o cu

Espero que meu conto agrade vocês leitores. Sou morena, 1, 70, seios medianos e bumbum um pouco avantajado rs. Meu namorado, hoje marido, como todo homem que se preze, vivia me perturbando...

LER CONTO

Deixei meu sobrinho novinho me comer

Tenho 28 anos sou casada há três, moro há dois anos em uma fazenda pequena e charmosa com meu marido, no começo foi legal, porém ele é muito ligado em cuidar das plantações e gado, acabo...

LER CONTO

Putinha por um dia

Estava eu tomando meu solzinho numa sexta feira ensolarada, me bronzeando com um biquíni bem pequeno cheia de tesão, de óculos escuro, pude ouvir um barulho de tactel sem parar. No meu bairro é...

LER CONTO

Prazer em ver a esposa gozada

Olá, me chamo Pedro (fictício), o que vou relatar é realmente verídico. Uma certa relação estranha aconteceu comigo e com uma dita mulher que era novata no bairro em que eu morava, essa...

LER CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 1 + 3 = ?
Deixe sua imaginação aflorar com os melhores contos eróticos reais do Brasil. Contos Picantes e Sensuais com textos bem formulados, com uma leitura fácil e agradável. São centenas de contos adultos grátis da melhor qualidade com fotos amadoras das histórias de sexo.
porno - quadrinhos eroticos - hentai - xvídeos - xvideos
© 2020 - Contos eróticos – Contos Pornô com Histórias Reais
error: