Deixei meu sobrinho novinho me comer

Publicado em fevereiro 1, 2020
13 votes

Tenho 28 anos sou casada há três, moro há dois anos em uma fazenda pequena e charmosa com meu marido, no começo foi legal, porém ele é muito ligado em cuidar das plantações e gado, acabo ficando solitária por aqui, o que me distrai é a academia que temos, por isso tenho uma corpo de dá inveja. O que anima é que esse ano vamos receber visitas para as festa de fim de ano.

As visitas chegam, vinharem a mãe dele, os dois irmãos dele um com sua namorada e o outro mais velho com sua esposa e seus dois filho,sendo que um deles um garoto de 18 anos, mas não é qualquer garoto, ele tem 1,80 de altura a pele branca que parece tão macia, ele está de regata e parece bem musculoso, tem dois brinquinhos na orelha e lábios carnudos e rosados, fiquei excitada na hora! Ele parece aborrecido de ter que passar o fim de ano no campo. Não o culpo. Eu também não curto muito.

Chega a noite e estamos todos reunidos na sala, meu marido está lá planejando vários passeios pela propriedade todo mundo empolgado, menos o garoto, Caio (nome fictício) o nome dele. Sei que ele não vai e eu logo digo que não vou devido a “problemas femininos” estou pensando em me ensinar mesmo, eu nunca fui safada, mas que tédio é aqui, e meu marido anda muito preguiçoso pra transa, perdeu a emoção.

No outro dia todo mundo saí muito cedo, e ficamos só a empregada que fica na cozinha… eu e o Caio. Ele está na sala, sentado no sofá com uma calça de moletom e regata, e com fone ouvidos, eu vou no quarto troco de roupa, coloco um shortinho de malha bem curto, e visto uma camisa larga sem sutiã, chego na sala toda toda com meu 1,60 de altura pernas grossas uma, e com os faróis acesos, meus peitos são bem grandes e eu sabia que ia chamar a atenção dele, ele me olha e logo coloca uma almofada sobre a perna pra disfarçar o volume, eu pergunto porque ele não quis ir com o pessoal e sento do lado dele, ele disse que não curtia muito, então eu perguntei o que ele curtia, e ele olhou prós meus peitos e deu um sorrisinho safado, o safado disse que gostava de mamar.

Fiquei molhadinha na hora, bem na hora a empregada passou …. nós disfarçamos e ela logo voltou pra cozinha, é uma pessoa muito discreta e eu tô tão excitada que perdir a noção do perigo.

Tiro a almofada das pernas dele e me sento no seu colo, o pau dele tá duro, consigo sentir que é grande mesmo através da calça, dou uma reboladinha e ele mete as mãos por baixo da minha blusa e começa a apertar os meus peitos, e me fala no meu ouvido:

– sua vaca! Assim que eu gosto, deixa eu mamar deixa?

Eu me arrepiei toda e ele continuou massageado meus peitos, pegando no bico, tava quase morrendo de tesão, quando escutei um movimento lá fora parece que algumas pessoas voltaram mais cedo. Saí do colo dele e ele me puxou levantou minha blusa e deu uma chupada gostosa no meu peito, delícia, saí rapidinho e fui me trocar, vesti um vestidinho justo de manga e decente, e fui ficar com o pessoal, todo mundo lá fora na varando, os homens começaram a fazer um churrasco, eu pedi licença pra ir no banheiro….

Ele que tava na sala me seguiu e eu levei ele pra dispensa era arriscado mais eu tava com muito tesão, chegamos lá eu encostei a porta ele foi logo tirando meus peitos pra fora do vestido como a boca era larga ele fez isso sem precisa tirar o vestido, então ele sentou na mesinha que tinha lá me puxou pra perto e começou a mamãe nós meu peitos, me chamava de vaca, e puta safada, tira momentos que ele chupava só o biquinho eu ficava louca, comecei a meter minha mão dentro da calça dele, e ele estava sem cueca, que pauzão que ele tinha, a cabeça rosinha, ele levantou meu vestido até a cintura e eu também estava sem calcinha, e ele apertava minha bunda, chupava meus peitos, beijava meu pescoço e me chamava se puta, que delícia minha buceta tava molhadinha então eu me afastei um pouco ele abaixou toda a calça, eu peguei o pau dele e comecei a esfregar na minha buceta, ele ficava olhando e começou a gemer baixinho, fiquei louca, cheguei mais perto dele e pedi pra ele me comer que eu não aguentava mais, então ele me virou de costas e me empurrou pra uma parede e começou a meter ali em pé mesmo, eu me aplica na parede e ele estava me comendo por trás com as duas mãos nos meus peitos, ele apertava com vontade e metia com mais vontade ainda, nunca tinha sentido tanto tesão assim, ele tava gemendo bastando no meu ouvido, e me chamou de cachorra, eu falei já que eu era uma cachorra ele devia me comer como uma cachorrinha, então fiquei de quatro no chão mesmo e ele veio em seguida, tirava o pau colocava lentamente de novo, e de novo, o pau dele era tão quente, a gente tava de quatro e eu não aguentei, falei pra ele que ia gozar e queria gozar com ele chupando meus peitos, então ele deitou no chão e eu montei nele ele colocou uma mão na minha bunda e outra na minha cintura e me pichou pra perto dele e começou a meter num ritmo frenético e chupar meus peitos ao mesmo tempo só tirava a boca pra falar -goza safada, goza pra mim sua puta, e eu gozei falei no ouvidinho dele que tava gozando no pau dele e ele não aguentou de tesão e gozou também.

Melhor Foda De Todas.

“Foda muito gostosa, a melhor de todos os tempos…”

12281 views

Contos relacionados

A mãe tarada e o filho nerd

A mamãe super tarada e o filho nerd vão ter uma boa trepada.. Ela está doida para tirar a virgindade do filho...

LER CONTO

Sou corninho assumido e liberei minha esposinha loirinha gostosa e safada

Havíamos marcado com nosso amigo pra gente sair os 3 e assim poder realizar nossas mais loucas fantasias e transarmos gostoso ,mas como as coisas não acontecem como a gente planeja. Vamos ao...

LER CONTO

Ofereci o cu de minha esposa para meu amigo

bom somos um casal aparentemente bonito,sou moreno alto corpo bacana minha gata é loira também alta e uma bunda maravilhosa,sempre usa calcinhas muito pequenas e marcavam-se nas roupas em que...

LER CONTO

Viagem com uma boa foda

Olá eu tenho trinta e dois anos, sou casada a doze anos e estamos em um momento meio crítico sexo já não é bom há muito tempo, não sei quando foi a última vez que senti um orgasmo com ele,...

LER CONTO

Comi minha tia gostosona na piscina

Bem vou me apresentar, me chamo Lucas (fictício), tenho 41 anos, sou casado e tenho um filho. Tenho uma tia que é um tesão de mulher, tem la seus 45 anos, Márcia (fictício). Bom vamos ao que...

LER CONTO

Meu amigo meteu na minha mulher e eu entrei na brincadeira

Me chamo Yuri (fictício) e minha mulher se chama Paty (fictício), tem 25 anos. Uma delicia de mulher de seios fartos. O que vou contar aconteceu a alguns meses, minha esposa adorava se exibir...

LER CONTO

Pedi para minha namorada dar pra outro cara e filmar (Fez tudo e mais um pouco)

Oi tudo bem, me chamo Luis* tenho 22 anos namoro Andréa* 20 anos também, namoramos à um ano. Andréa é uma mulher maravilhosa o sonho de consumo de muitos homem, 1 metro e 62, linda, um belo rabo...

LER CONTO

Um Show De Vizinha da xoxota peluda – Capítulo 1

Essa história aconteceu quando eu tinha 18 anos. Morava num pequeno prédio de apartamentos. Uma noite, estava em meu quarto estudando, e de repente comecei a ouvir uns gemidos vindos do quarto de um...

LER CONTO

Minha primeira vez com minha namorada católica

Bom este é meu primeiro conto, e ainda to meio com receio, mas ando lendo outros contos e quis compartilhar algumas experiências. Primeiro de tudo eu me chamo Felipe (nome fictício) tenho cerca...

LER CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 5 + 1 = ?
Deixe sua imaginação aflorar com os melhores contos eróticos reais do Brasil. Contos Picantes e Sensuais com textos bem formulados, com uma leitura fácil e agradável. São centenas de contos adultos grátis da melhor qualidade com fotos amadoras das histórias de sexo.
porno - quadrinhos eroticos - hentai - xvídeos - xvideos
© 2020 - Contos eróticos – Contos Pornô com Histórias Reais