Apaixonada pela pegada do gostoso

Publicado em junho 29, 2023

Conheci um rapaz no carnaval, um grupo de amigos me parou, eu ia passando e eles me chamaram, como era carnaval, falaram:

– Conheça aí esse gatinho, beija na boca dele!

Fodendo com o macho sarado

No começo eu não fiquei afim, achei bonito e tal, nada demais, não custava nada dar um beijo, afinal era carnaval, então eu dei, e fiquei paralisada, que beijo gostoso, foi tanto que não queria mais parar de beijar, nem ele nem eu, o pessoal já tava tirando onda que a gente não se separava, minhas amigas estavam me esperando, então não tinha como eu ficar com o grupo deles, nem ele vir pra o meu, nos separamos, mas fiquei com ele na cabeça, eu ia passando e ele me puxou, beijamos mais ainda e ele me disse:

– Tô muito afim de você, não quero perder de vista, passa seu número, oq acha de amanhã sairmos, vai ter uma resenha na casa de meu amigo, você pode ir?

Esse amigo que ele falava era um que eu já tinha ficado, mas não rolou nada entre nós, não rolou Sexo, só beijos mesmo, então eu não tinha porque não ir, e eu tava muito afim do gatinho, eu disse:

– Vou sim, só me ligar e dizer o horário!

Ele deu um sorriso largo, nos beijamos mais ainda e eu estava nas nuvens, na hora do beijo parecia que só havia nós dois na avenida, e quase não nos largávamos mais…

Já era o outro dia, e ele não ligava pra dizer se iria ter ou não a resenha, eu entendi que não, e fui fazer minhas coisas, e eis que ele liga, mas não era pra sair em grupo, e sim só nós dois, ele disse:

– Não rolou o encontro na casa do meu amigo, mas nada está perdido, vim te chamar pra sairmos nós dois, o que acha?

Eu fiquei feliz demais, lembrei dos beijos molhados e gostosos que ele tem, eu disse:

– Que legal, eu já estou quase pronta, quer sair agora?

Ele disse que sim, eu corri e acabei de me arrumar, fiquei bem linda e esperei ele chegar, ele chegou e entrei no carro dele, já me recebeu com um grande beijo, passamos uns cinco minutos só beijando na frente de casa, eu já fiquei acessa, não vou negar, minha buceta tava toda molhada, como eu estava gostando de estar ali. Ele começou a passar a mão nas minhas pernas na hora do beijo, e na cintura, daqui a pouco estava nos seios, mas tudo sutilmente, então chegou a hora de sairmos, olhei pra o pau dele e estava durinho, como q ele ia descer?

Saímos, chegamos em uma lanchonete, comemos e bebemos algo, e ficamos conversando, mas eu só queria transar, não conseguia olhar pra ele, beijar e não querer dar a buceta, ele era muito gostosinho, o cheiro dele de macho estava me deixando louca, será que iríamos depois dali pra algum lugar reservado, ou ele só iria me deixar em casa?

Ele disse:

– Bora?

E eu pensei: será que já vai me levar pra casa?

E foi isso mesmo, paramos na porta da minha casa, ficamos nos beijando lá dentro, eu não iria pedir pra ele entrar, nem cogitar o sexo, deixei pra ele fazer isso, e os beijos foram surgindo pegadas, ele já estava com a mão nos meus seios, dentro da minha blusa, e nós dois ofegantes, cheios de prazer, quase gozando nessa primeira experiência, ele já chupava meus bicos, e finalmente meteu a mão lá embaixo na minha buceta, fui no paraíso e voltei, não consegui disfarçar, e o beijo rolando.

Dei a buceta para um homem gostoso

Ele então começou a enfiar os dedos, estava me comendo com os dedos, eu estava quase gozando, foi quando ele disse:

– Vamos lá em casa, tem problema?

Era só o que eu queria ouvir, eu disse:

– Vamos logo, pra continuar o que estamos fazendo aqui!

Eu já não tinha mais filtro, o que estava sentindo falei na lata, o que eu queria era dar pra ele, queria uma foda gostosa, o clima era ótimo entre nós, e sabia que ia ser uma das trepadas melhores da minha vida, pois a conexão era grande demais!

E fomos pra casa dele, chegando lá já entramos nos pegando, minha saia já estava na cintura, e o beijo dele era ainda o principal, que beijo perfeito, se encaixou perfeitamente com o meu, fomos pra o quarto, e a pegada era diferente, as mãos dele passeavam por todo meu corpo, e eu me sentia a mulher mais desejada do mundo, queria morar ali naquele momento, que delícia. Ele me jogou na cama, e veio por cima, do beijo ele foi descendo, passando pelos seios, barriga, e foi chegando no lugar desejado, sim, na bucetinha, ele abriu minhas pernas e foi beijando as coxas, passando a língua, e eu me tremendo toda, esperando o prazer do oral, e chegou a hora, aquela boca carnuda e molhadinha, chupou meu grelinho, e desceu para os lábios, sugando e metendo a língua, eu me contorcia e gemia, gozei na boca dele, foi inevitável, mas não paramos não, ele disse:

– A primeira gozada foi feita, senti o gostinho, nunca vou esquecer você gozando na minha boca, que excitante!

E continuamos, ele deitou e eu fui chupar a rola dele, fiz o melhor que pude, fui com carinho, chupei a cabeça, depois o resto da pica, coloquei tudo na minha boca, e aumentei a velocidade, ele também ia gozando, mandou eu parar, respirou fundo e pegou a camisinha, ele disse:

– Chegou a vez deles se encontrarem, estou ansioso por isso, vou te comer tanto!

E eu me derreti, ele falando assim me deixava mais confiante, me sentia linda e única, e foi isso que aconteceu, ele meteu a rola em mim e a foda foi maravilhosa, desde a primeira botada o meu prazer era enorme, ele enfiava e eu gemia, e assim foi, me comeu de frente, de lado, de costas, até a gente gozar, engraçado que nós gozamos juntos, nos beijando, parece que quando estamos nos beijando tudo acontece, o beijo é mágico.

Terminamos e deitamos de conchinha, dormimos, de manhã acordamos e ele já queria mais, transamos novamente, e ele né deixou em casa, já combinamos outra saída, estou ansiosa pra beija-lo e também pra transar novamente, acho que me viciei nele!

0 views views

Contos relacionados

Dormi na cama de um casal

Meu nome é Aninha e moro junto com um casal de coroas.Noite passada, fui no quarto deles e me enfiei no meio dos dois. Dona Maria estava no quinto sono e o tiozão já ficou de pau duro quando me viu de calcinha e sutiã. Foi só deitar com o meu bundão viradinho para ele e ...

Louco pela morena do rabão

Sou um cara casado, sou um tipo importante na minha cidade, tenho carro do ano, sou empresário bem sucedido, isso leva as gatinhas a ficarem todas me querendo, na frente da minha esposa eu sou um...

Sexo na rua escura com a passageira do aplicativo

Sou motorista de aplicativo e seguidamente pego passageiras muito queridas. Sempre fico louco que uma delas me deixe claro que tá a fim de algo. Sempre dirijo louco de tesão imaginando que uma hora...

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 4 + 3 = ?
Deixe sua imaginação aflorar com os melhores contos eróticos reais do Brasil. Contos Picantes e Sensuais com textos bem formulados, com uma leitura fácil e agradável. São centenas de contos adultos grátis da melhor qualidade com fotos amadoras das histórias de sexo.

Visite também os melhores sites porno, conheça os diretórios: thepornlist.net ,thebestfetishsites.com e pornwhitelist.com

porno - xvideo - sites porno - contos eroticos - contos eróticos - conto erotico - quadrinhos eroticos - contos de sexo - hentai - hentai porno - Mulheres Nuas - Sexo Amador - Pornô - Xvideos - Videos Pornô
© 2024 - Contos eróticos → Contos Pornô com Histórias Reais de Sexo