Contos eróticos → Contos Pornô com Histórias Reais de Sexo » Incesto » Passando bronzeador na bunda da minha irmã

Passando bronzeador na bunda da minha irmã

Publicado em março 2, 2020
6 votes

Olá contar uma história de Incesto real, na época do acontecido eu tinha 25 anos e minha irmãzinha tinha 19 aninhos.

Foi então que meus desejos pela minha irmã começou a aflorar, imaginem ela branquinha,magra com seus peitinhos durinhos e uma bunda perfeita, desfilando com shortinho que deixava sua bundinha ainda mais gostosa.

Uma vez durante a tarde ela deitou em sua cama e a porta do quarto ficou aberta, possibilitando eu a ver com a bunda pra cima, peguei o celular e tirei uma foto não pudi resistir e corri pro banheiro pra bater uma punheta em sua homenagem. Havia cansando de bater tanta punheta no site xvideos. Bater punheta para minha irmã era muito melhor….

Bom, acho que já deu pra perceber que meu tesão por ela estava quase incontrolável,todas as noites eu batia uma pensando nela. E estava pensando em como partir pra cima, comecei assistir pornô sobre incesto entre irmãos pra ter alguma idéia.

Foi quando chegou o tão esperado dia, até então minha irmã nunca desconfiou das minhas intenções.

Pois bem, só de lembrar daquele dia meu pau já fica duro,estava um dia muito quente, meus pais tiveram que sair, não vou falar o motivo pra não evidenciar, minha irmã e eu sozinhos em casa era hora de agir, sempre gostávamos de nos molhar com a mangueira nesses dias quentes, então fiquei só de bermuda e depois de convence-la ela colocou um biquíni, peguei meu celular e comecei tirar algumas fotos dela em posições picantes,e então perguntei pra ela se gostaria de passar filtro solar porque o sol tava forte,pra minha surpresa ela aceitou,e em pé mesmo de costa pra mim comecei a espalhar o creme sobre seu delicioso corpo e a essa altura meu pau já estava quase saltando pra fora da bermuda….

ela começou dar suspiros mais fortes quando comecei a alisar sua bunda e passar de leve meu dedo em sua pequena bucetinha, pronto a essa altura ela já estava excitada e sabendo o que ia acontecer.

Abraçando ela por trás perguntei se estava afim de irmos adiante,ela relutou e disse que era errado,com medo mudei o foco,foi aí que de repente meus pais chegaram,ela então se enrolou na toalha e soltou um “fudeu” e saiu correndo pra dentro de casa. Eu ainda ia insistir queria de todo jeito comer minha irmãzinha, não poderia deixar o clima esfriar, naquele mesmo dia a noite minha mãe foi à igreja e meu pai como de costume dormia cedo, era a oportunidade perfeita.

Por volta das 19horas estava eu no meu quarto deitado na minha cama assistindo TV, pra minha surpresa minha irmã entra vestindo um shortinho deixando a poupa da bunda a amostra e uma blusinha deixando sua barriguinha de fora,na hora meu coração disparou,ela deitou se do meu lado e eu senti que ela queria que eu encostasse,meu pau duro e todo melado latejando de tesão, comecei a fazer cócegas nela,foi a desculpa pra eu encostar meu pau em sua bunda empinadinha, quando percebeu se levantou e correu pro quarto dela, fiquei uns cinco minutos sem saber o que fazer, depois fui atráz dela entrei em seu quarto e estava sentada na cama tapando o rosto meio que envergonhada e entre suas pernas a travesseiro,sem falar abracei ela forte e ao mesmo tempo tirando o travesseiro e percebi que ela estava com a bucetinha toda melada,e me sussurrou no ouvido que éramos irmãos e já tínhamos ido longe demais com aquilo tudo, não dei bola e num êxtase fui tirando sua blusinha e mamando seus seios e minha mão já estava toda molhada com o líquido que saia da buceta dela, tentei beija-la ela desviou não insisti e partimos pra um 69 delicioso….

algum tempo depois começou a dar uns gritinhos e tapando o boca pois meu pai dormia no quarto ao lado,suas pernas tremendo e seu gozo descendo por minha boca, coloquei ela pra cavalgar no meu pau subindo e descendo bem devagar meu pau quase explodindo, ela me pediu pra pegar ela de quatro dei umas boas e fortes estocadas naquela apertada buceta…. fui aumentando o ritmo me pedindo pra não parar porque estava quase gozando denovo,meu pau todo molhado falei que queria gozar na boca dela e com uma carinha de putinha fez sinal que sim com a cabeça,eu em pé ela de joelhos engolindo meu pau não aguentei e gozei em sua boca….

Nunca tinha saído tanta porra quanto saiu aquele dia,parte ela engoliu parte escorreu pela boca,eu estava realizando minha maior fantasia.Fomos tomar banho juntos e aí sim consegui beijar sua pequena boca macia.

Hoje tenho 32 anos e ela 26 anos, está casada e nunca falamos sobre aquela transa entre irmãos, minha melhor transa!

20834 views

Contos relacionados

Pegando a empregada bunduda de jeito

Fudendo o cuzinho da empregada bunduda no banheiro de casa ... Um verdadeiro tesão!

LER CONTO

Minha meia irmã me mamou gostoso

Eu sempre tive uma queda pela minha meia irmã. Mas nunca sabia que essa mera queda poderia tornar algo tão forte ao ponto de eu cometer um pecado(ou não?) Tudo começou quando ela veio aqui em...

LER CONTO

Incesto porno Comi minha irmã

Oi!  Eu tenho uma irmã por parte de pai que é muito gostosa mesmo. Ela tem 18 anos, é loirinha, de olhos grandes e azul, uma barriga retinha e um bundão, seu nome é  Júlia (fictício). Um...

LER CONTO

Traí meu marido dando o cuzinho

Olá! Estou de volta para mais um conto. Tenho 27 anos, morena cor de jambo,  cabelos escuros, lisos (levemente ondulados) e longos. Tenho 1,61 de altura e sou levemente cheinha. Meus seios são...

LER CONTO

Pegando um bronze

Para Os Sacanas, todo dia é dia de sol... Dona Maria e Aninha pegando um bronze e Carlinhos só de olhos nas duas de topless...

LER CONTO

Putinha de todos

Levei uma putinha pela primeira vez num motel...ainda não tínhamos ficado realmente era só mão boba,ela era uma delicinha de morena...tinha umas tattoo interessantes, até então conhecia apenas...

LER CONTO

Comendo o cuzinho da tia

Eu sou muito auto confiante, se a pessoa der um molezinho pra mim eu já vou pra cima, independente de quem seja homem ou mulher dar mole....  já sabe!  To falando isso pra falar da vez que comi...

LER CONTO

Tio tarado comeu meu cu

Oi! Sou Géssica(*), nunca contei um conto, essa é primeira vez, mas vamos lá! Tenho 18 anos, baixinha, magrinha e peitos pequenos mas firmes, sempre frequentava a casa do meu tio por ajudar ele...

LER CONTO

Minha prima e eu em momento intimo

Minha prima e eu, sempre moramos em cidades diferentes porque o pai dela era sempre transferido de cidade devido ao cargo em um banco. Ela é alguns meses mais velha que eu, mas do mesmo ano. Ela é...

LER CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 4 + 5 = ?
Deixe sua imaginação aflorar com os melhores contos eróticos reais do Brasil. Contos Picantes e Sensuais com textos bem formulados, com uma leitura fácil e agradável. São centenas de contos adultos grátis da melhor qualidade com fotos amadoras das histórias de sexo.
porno - xvideos - contos eroticos - contos eróticos - conto erotico - quadrinhos eroticos - contos de sexo - hentai - hentai porno
© 2021 - Contos eróticos → Contos Pornô com Histórias Reais de Sexo