Meu primo tirou minha virgindade

Publicado em setembro 18, 2020
4 votes

Oii, sou uma garota loira, 1.70 de altura, corpo magro e atlético, me considero bem bonita, atualmente tenho 19 anos, mas essa história ocorreu um ano atrás, foi um tanto gostosa para uma primeira vez, por isso acho digno compartilha-lá com vocês.

Sempre fui mais lerdinha quando se trata de relacionamentos comparado a minhas amigas, em quanto elas já haviam feito diversas preliminares, transado várias vezes eu ainda nem tinha dado meu primeiro beijo, não por falta de oportunidade, mas eu sempre fui meio romântica e estava a espera do momento perfeito… Ser virgem realmente não me incomodava, eu sabia que quando fosse a hora certa eu estaria pronta, por isso não tinha pressa, afinal sempre gozei muito gostoso sozinha mesmo!

Porém mal sabia eu que eu estava prestes a perder a minha virgindade logo mais, e eu jamais imaginaria que seria ainda com alguém da família, meu primo!!! Sim, meu primo. Eu sempre tive bastante tesão nele, a química entre nós dois sempre foi e ainda é muito forte, o tesão que sentimos quando estamos perto um do outro é inexplicável, sempre foi assim, porém não deixávamos tal sentimento muito explicito, afinal não sabíamos se era mútuo pois nunca tínhamos falado sobre, ele é um pouco mais velho que eu, tem 20 anos, loiro, luta box, por isso tem um corpo muito sarado, é loiro e todas as minhas amigas babam em cima dele, e isso sempre foi muito chato pra mim, tenho ciúmes pois como já disse, sinto uma forte atração por ele, mas em respeito a mim, ele nunca ficou com nenhuma delas…

Foi então que resolvemos fazer uma viagem em família, fomos todos nós, eu, meu irmão meu primo, os pais dele, meus pais e meus avós. Chegando no Hotel, nossos pais decidiriam que os jovens ficariam em um quarto separado, por tanto eu, meu primo e meu irmão ficaríamos juntos, dormindo no mesmo quarto…

Viagem em família e tesão no primo

Descarregamos as bagagens e fomos para a praia, todos nós, porém aquele tesão entre mim e meu primo parecia ficar maior conforme nos víamos de biquíni e sunga, ele com o pau bem marcado na sunga, eu não conseguia evitar olhar, e eu percebia que ele estava me comendo inteira com os olhos também, porém eu sabia que era errado, afinal ele tinha o meu sangue né… Mas eu não conseguia parar e minha buceta latejava de vontade de ser tocada, eu estava muito molhada, era uma tensão sexual no ar, até que ele teve uma ereção, ele escondeu rápido com a toalha de praia, só eu vi, a família estava distraida, mas foi então que eu percebi que ele também estava afim de mim…

Isso estava me deixando completamente louca. Passamos mais um tempinho na praia, mas eu não estava mais aguentando, precisava ir pra casa me masturbar, meu clitóris já tava tão inchado que era capaz de eu cruzar as pernas e ter um orgasmo ali mesmo, no meio da praia, então eu falei para a família que estava com dor de cabeça e iria pro hotel descansar, assim eu fiz, mas não era para descansar.

Cheguei no quarto arranquei o meu biquíni e me joguei na cama, minha buceta estava encharcada, me imaginei sendo chupada pelo meu primo, seu pau enorme e gostoso esfregando na minha buceta sem penetrar, só passando a cabecinha no meu clitóris, não deu 2 minutos eu gozei tão gostoso, que ainda me lembro da sensação de euforia quando acabou, então eu torci para que aquela siririca gostosa me fizesse esquecer do meu primo, porque moralmente eu sabia que não era certo que quiséssemos transar. Mas para minha infelicidade, o tesão enorme nele não tinha passado…

Perdendo a virgindade com meu primo

A noite fomos jantar, eu queria impressionar agora que sabia que ele também sentia aquele tesão enorme no ar, coloquei o meu vestido mais sexy, vermelho, com a saia mais soltinha, porém um decote muito bonito, o peguei olhando para meus peitos umas 100 vezes naquela noite, foi quando então eu resolvi sentar ao lado dele na mesa falando que iria mostrar algo em meu telefone, ficamos pertinho, e eu não aguentei e coloquei minha mão na perna dele, levemente fui subindo para não assustar, e lá estava ele, com o pau durissimo, cheio de tesão, minha buceta estava novamente encharcada, abri a calça dele e o masturbei ali mesmo, o pau dele estava completamente molhadoooo, eu estava muito nervosa porque nunca havia batido punheta para nenhum garoto antes.

Ele pegou na minha mão e me guiou, o pau dele é tão gostoso que o tempo inteiro eu só conseguia pensar como o queria dentro de mim, até que então ele gozou, deu um leve gemido, mas as pessoas em volta não notaram, eu voltei para o meu lugar da mesa, cheia de vontade de ser comida por ele, um tesão tão grande que te deixa até sem ar sabe?

Voltamos para o Hotel, era bem cedo ainda, devia ser por volta de umas 19:00, eu estava na varanda, então meu primo chega por trás de mim e me encocha, seu pau estava duro, e ele fala em meu ouvido se pode me comer naquela noite, obviamente eu louca pra dar pra ele falei que sim, porém ainda tínhamos que nos livrar no meu irmão, ficamos pensando que desculpas poderíamos inventar para que ele saísse do quarto, por nossa sorte meu tio chegou no quarto e nos convidou para uma partida de pingpong, meu irmão aceitou ir jogar, logo eu e meu primo falamos que iriamos ficar descansando…

Chegou por fim a hora em que eu seria fodida por ele, ele sabia que eu era virgem, vivíamos falando sobre, ele sempre me perguntava sobre minha vida amorosa… Então ele me coloca na cama e começamos a nos beijar, ele fala que eu não preciso me preocupar porque vai me comer com jeitinho, vai beijando todo meu pescoço, em quanto esfrega seu pau duro por cima da minha calcinha, tira meu vestido e começa a chupar meu peito, descendo pra minha buceta, apenas provocando, parecia que estava esperando eu implorar para que enfiasse a cara no meio da minha buceta, meu clítoris estava mais uma vez tão inchado que parecia que ia explodir.

Finalmente então ele começa a me chupar, que delicia, eu nunca havia sentido algo tão gostoso, poderia ficar só ali imóvel com a boca dele me lambendo inteira, ele coloca então devagar o pau dele na minha buceta, enfiando lentamente, não doeu porque eu estava com tanto tesão que era impossível sentir dor, logo em seguida ele me virou de barriga pra baixo e começou a enfiar aquele pau gostoso dentro de mim, ficamos nessa posição por uns 5 minutos, ele batia na minha bunda, me chamando de gostosa e falando que esperava por esse momento a anos, então eu gozei, meu deus que orgasmo maravilhoso, o melhor que eu já tive, gemi tanto que acho que o hotel inteiro ouviu…

Logo depois de recuperada daquele orgasmo intenso eu resolvi chupar o pau dele, super ereto, parecia de filme Porno de tão gostoso… Pedi para que ele me ajudasse e me guiasse mas logo peguei o jeito, enfiei lá dentro da boca, fazendo uma garganta profunda, focando bastante da cabecinha dele enquanto olhava nos olhos dele, ele tava morrendo de tesão, com a boca meio aberta, segurando meu cabelo e forçando minha cabeça, ficamos assim, até ele gozar, deixei ele gozar na minha cara, saiu muito porra, foi muito gostoso!

Tomamos banho juntos logo em seguida, ele me comeu de novo contra a parede do banheiro, dormimos muito felizes naquela noite…

Ainda naquelas férias transamos mais duas vezes, atualmente eu namoro, mas ainda sentimos muita atração um pelo outro, provavelmente ainda iremos repetir a dose no banheiro da família hahahahah….

6887 views

Contos relacionados

Entrou no quarto e pegou a traição no flagra

Traição no casamento! Dona Maria traindo o Sr Carlos com o novinho

LER CONTO

Visita da prima e um bom sexo

Estava em casa, após conversas picantes com minha prima Luna( nome fictício). No outro dia ela resolveu vir em casa, na hora que entrou na garagem, já nos beijamos... Eu estava utilizando...

LER CONTO

Comi minha irmã e minha sobrinha

Olá comecei ler contos e tive coragem de falar o que me aconteceu a uns anos atrás. Bem, meu nome é Marcelo (fictício), minha irmã nome vou chamar de Sandra (fictício). Bem tudo começou a...

LER CONTO

Tia, primas & Cia! O sobrinho trepando com todas.

Jonas é um rapaz muito bonito e passa o pau nas primas e tias. A putaria rola solta

LER CONTO

Brinquedinho do casal e um tesão louco

Sou o Manoel(*) tenho 30 anos, magro 1. 70m de altura e o pau de 18cm... Sou casado com a Alda(*) ela tem 26 anos, magra, 1. 60m de altura, ela tem peitos grande e fartos, bucetinha pequena e...

LER CONTO

Transei com a amiga da minha mãe

Oi meu nome Bernard (*) tenho 23 anos, sou alto, forte, moreno e a amiga da minha mãe chama Sandra(*) e elas trabalham juntas. Ela é uma morena magra, gostosa, peituda e tem 27 anos. Esse e um conto...

LER CONTO

Comendo o cu da namorada safada no carro

Em um certo dia, fui na festa de casamento de meu amigo, em uma cidade vizinha e levei uma morena gostosa, minha namorada. Nessa noite ela estava ainda mais sensual do que de costume.... Transando...

LER CONTO

Comi a esposa putinha com o corno olhando

Vou contar a vocês uma história de uma mulher casada e seu marido corno. Usarei nomes fictícios. Eu tenho 23 anos, sou magro, 1,75, loiro e tenho olhos claros. Certo dia estava em casa...

LER CONTO

Fiz uma coroa gordinha gozar

Oi me chamo Helder(*) na época tinha 28 anos. Sempre gostei de coroas ficava de pau duro só de olhar umas na rua. Uma vez uma coroa que era conhecida da família da minha irmã veio na casa dela...

LER CONTO

1 - Comentário(s)

  • Brenon 19/09/2020 11:05

    Me manda,o seu whatsapp quero ser o seu priminho e te fuder todinha chupar vc e colocar tudo pra quicar na minha vara

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 2 + 4 = ?
Deixe sua imaginação aflorar com os melhores contos eróticos reais do Brasil. Contos Picantes e Sensuais com textos bem formulados, com uma leitura fácil e agradável. São centenas de contos adultos grátis da melhor qualidade com fotos amadoras das histórias de sexo.
porno - xvideos - contos eroticos - contos eróticos - conto erotico - quadrinhos eroticos - contos de sexo - hentai - hentai porno
© 2022 - Contos eróticos → Contos Pornô com Histórias Reais de Sexo