Encoxando a gostosinha do Metrô

Publicado em novembro 15, 2020
1 vote

Isso aconteceu de fato e de forma consensual.

Esse fato aconteceu a uns 4 anos atrás, mas antes de começar me descrever rapidamente.

Sou Japa, tenho 1,78 e peso 80kg e minha idade é 36 anos, acredito que estou bem fisicamente.

Cheguei na estação do metrô por volta das 18:30 e o metrô estava parado, e fica aquela muvuca na plataforma, mas como era uma sexta feira resolvi encarar de esperar normalizar e pegar o metrô. Fiquei na muvuca esperando a situação se normalizar e quando percebo na minha frente estava uma moça por volta dos seus 24 anos (nome fictício de Denise), altura por volta de 1,7m pois era um pouco menor que eu, magrinha com peitinhos médios, bundinha media, mas redondinha e durinha, magrinha, era uma gostosinha que quando relembro fico com o meu pau duro na hora.

Bom, voltando a situação estava na minha frente e no meio daquela muvuca toda, ela usava uma calça de tecido fino verde e uma blusinha branca e estava com uma blusa grossa e longa, conforme o pessoal foi empurrando fui encostando na bundinha dela, cada vez mais ia encostando nela e eu tentava evitar, mas não tinha como não encoxar ela, ficou tão cheio que fiquei grudado na bundinha dela, em seguida ela tira a sua blusa e nesse momento pensei q ela ia amarrar na cintura, mas ela ficou segurando nos seus braços.

Encoxando a gostosinha do Metrô, depois ela fez um boquete maravilhoso

Nesse momento fui na loucura, pois com a blusa não sentia muito bem a bundinha da Denise, mas quando ela retirou, sinceramente sentia toda aquela sua bundinha, ela ficou encaixadinha com o meu pau bem no meio, de vez em quando ela dava uma empinadinha, pois ficava nas pontas dos pés fingindo que estava tentando olhar mais a frente, como o metro estava parado, ficamos nisso durante uns 30 min. Ficamos bem grudados e ela com a bundinha encaixada no meu pau, ela as vezes olhava para traz como se tivesse tentando olhar o quanto estava cheio, mas na realidade ela olhava pra mim e ver a minha reação do qto estava gostando daquela situação.

Bom o metrô, foi normalizando aos poucos e com os nossos corpos grudados e eu sentido aquela bundinha quentinha no meu pau, chegamos proximo da regiao de embarcar no metrô, pensei que qdo o metrô chegasse tinha q conseguir continuar grudado bem na bundinha de Denise, mas infelizmente naquele empurra-empurra ela ficou meio que metade da bundinha no meu pau e fiquei roçando na sua coxa, nesse momento bateu uma tristeza e para a Denise também, pois ela olhou para tras para ver onde eu estava, qdo ela percebeu que era eu que estava com o pau na sua coxa, ela discretamente colocou a mão para baixo e como ela estava com a blusa em sua mão, ela apertou o meu pau e ficou segurando e passava os dedos na cabecinha dele, nessa hora pensei como ela eh safadinha, mas isso também foi um sinal verde para passar a mão nela.

Como a minha mão estava próximo da sua bundinha, comecei a passar a mão naquela bundinha devagarinho para ninguém perceber, fui baixando acompanhando bem no meio da bundinha e cheguei no cuzinho dela e com o dedão comecei a ficar massageando com movimentos circulares e com os restantes dos dedos fiquei massageando a bucetinha por trás, ficamos nisso por um bom tempo pois o metro estava lento.

Infelizmente ela estava se aprontando para descer na estaçao  (a minha estacao ja tinha passado), e eu atrás dela, na hora pensei, bom vou tentar saltar com ela e ver se continuamos isso.

Ela desceu e fui atrás, andei ao seu lado e perguntei:

-Linda, o que acabou de acontecer, podemos falar a respeito?

Denise me responde. O que aconteceu? E deu um sorrisinho.

Voltei para ela e falei Lindinha sei que você gostou, não sou nenhum tarado, mas gostaria de continuar o que começamos.

Denise me responde: Me segui

Nessa hora abracei ela com um braço e começamos a falar o que aconteceu no metrô, o quanto ela era safadinha e fui reparando o quanto ela era gostosa mas também muito linda mesmo, fui baixando a minha mão que estava no ombro e dava umas apertada na bundinha e na cuzinho com o dedo e então ela falou que não dava a bundinha porque nunca tinha feito isso e a bucetinha não podia, pois estava de chico.

Na hora deu uma broxada, mas ela falou em seguida, por hj posso te compensar de outra forma. E nós começamos a procurar um canto escondido fora da estação do metro para aproveitarmos a situação, nessa hora foi ate engraçado, pois tinha um buraco bem na entrada de uma casa onde pensamos aqui pode ser, entramos e começamos a nossa beijar e passar a mão, mas logo em seguida a luz da entrada se acende e tivemos que sair dali, e ficamos tentando achar um espaço escondido nas entradas das casa, mas estava difícil.

Enfim, encontramos um espaço em uma casa que tinha uma arvore na frente e estaba escuro, Denise colocou a mão gelada por dentro da calça, ficou massageando meu pau, tentei massagear a sua bucetinha, mas ela não deixou, pois estava menstruada e então ela falou vou te compensar dessa forma…. Denise se abaixou ficando agachada, tirou o meu pau para fora (estava de calca social e camisa) e começou um boquete delicioso e com uma maestria, lambendo as bolas, batia uma e colocava meu pau inteiro na sua boca fazendo uma garganta profunda, chupava de uma forma que tinha esquecido que estava na rua, eu segurava ela pelos seus cabelos longos enrolando em um dos bracos e controlava o boquete dela, foi chegando a hora de gozar, perguntei se podia gozar na sua boquinha, ela simplesmente continuou o boquete e gozei tudo na sua boquinha.

Denise engoliu tudo, e ainda limpou meu pau com a sua boquinha e falou… q gostoso esse seu leitinho.

Falei pra ela queria continuar, mas preciso voltar pra minha casa, senão minha esposa vai desconfiar porque estou demorando tanto.

Ela falou então anota meu numero e combinamos algo…..

4190 views

Contos relacionados

Pegando um bronze

Para Os Sacanas, todo dia é dia de sol... Dona Maria e Aninha pegando um bronze e Carlinhos só de olhos nas duas de topless...

LER CONTO

Comendo a esposa do colega de trabalho

Me chamo Paulo (fictício), sou atlético 1,79 de altura e um dote de 17 cm, e posso dizer que tenho um bom histórico de satisfação das mulheres, o que pra mim é o mais importante em um bom sexo,...

LER CONTO

No motel com a ex cunhada gostosa

Bom, podem me chamar de L., tenho 24 anos, 1,85 m, 95 kg( luto boxe, tenho um corpo bem definido), 17 cm de pau e bem grosso! A história que vou contar é real. Terminei um relacionamento de 7...

LER CONTO

Pegando a ex do meu irmão

Olá sou Marcelo (fictício), vou contar o dia q peguei a ex do meu irmão, Sandra (fictício), morena 1.60 de altura, magra, seios pequenos, e uma bunda maravilhosa. Nós era amigos, e conversa...

LER CONTO

A mãe tarada e o filho nerd

A mamãe super tarada e o filho nerd vão ter uma boa trepada.. Ela está doida para tirar a virgindade do filho...

LER CONTO

Minha primeira vez com minha namorada católica

Bom este é meu primeiro conto, e ainda to meio com receio, mas ando lendo outros contos e quis compartilhar algumas experiências. Primeiro de tudo eu me chamo Felipe (nome fictício) tenho cerca...

LER CONTO

Virei corno por acaso e gostei

Meu nome é John(*) tenho 34 anos, o nome da minha esposa e Suzana(*) 28 anos somos casados a 3 anos, nos damos muito bem na cama e no relacionamento. Vou falar um pouco de Suzana, 1,75 de altura,...

LER CONTO

Passeio de jet-ski com a loira gostosa e transamos na ilha deserta

Era sábado de manhã, um dia de verão, daqueles bem quentes, eu tinha combinado com uns colegas de irmos até a praia e andar de jet ski, sempre era muito divertido e prazeroso, pois tinham diversas...

LER CONTO

1ª experiência lésbica com uma GP

Olá. Sou uma mulher madura, com 39 anos, bem resolvida. Tenho um filho e por isso sempre vejo os históricos da navegação da internet e o computador fica na sala de casa. Certo dia vi visitas em...

LER CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 4 + 3 = ?
Deixe sua imaginação aflorar com os melhores contos eróticos reais do Brasil. Contos Picantes e Sensuais com textos bem formulados, com uma leitura fácil e agradável. São centenas de contos adultos grátis da melhor qualidade com fotos amadoras das histórias de sexo.
porno - xvideos - contos eroticos - contos eróticos - conto erotico - quadrinhos eroticos - contos de sexo - hentai - hentai porno
© 2021 - Contos eróticos → Contos Pornô com Histórias Reais de Sexo
error: