Cunhada tarada me deu a bucetinha molhada

Publicado em agosto 24, 2020
4 votes

Minha cunhada é magrinha 43 anos, corpo de novinha, quadril largo, seis durinhos e pequenos. Casada a um ano, preparamos seu casamento, noivo devagar, tive que no dia da preparação levar ela e buscar, cuidou dos cabelos e vi vestindo o traje de noiva.

Deixava o carro num estacionamento escuro cheio de árvores meio abandonado a uma quadra de casa ai paramos e ela falou pra descansar um pouco toda descontraída falou se tava bonita e respondi uma gata feliz seria o marido naquela noite e ela riu muito.

Disse que as pernas estava doendo de tanto andar, pequei um massageador de ervas e deixou passar naquelas pernas magrinhas e lisas, fiz movimentos circulares e subi até as coxas sem nenhuma resistência um momento cheguei próximo a calcinha ela se contorceu e mudou a respiração falando que delícia cunhado. Ela se recompôs um pouco discretamente olhou minha calça de moleton com o pau duríssimo.

Pediu para voltar pra casa, depois disso teve o casamento um sucesso e durante esse ano começamos a conversar muito no Whatsapp e ela sempre falando do dia a dia , deixou escorregar que marido era devagar nas investidas e fazia poucas aventuras com ela, entendi aventuras como Sexo gostoso.

Meti pau na cunhadinha tarada da buceta molhada

Uma noite veio dormir em casa devido a ter médico bem cedo e morar num bairro distante, ficamos ali na sala até tarde da noite e sua irmã foi dormir poque acordava de madrugada para trabalhar. Notei olhares por baixo dela que estava no celular longe e eu no computador debaixo da mesa havia uma abertura e como estava calor deixei o pau duro saindo do lado do meu shorts largo e notei que ela olhava e ficava toda excitada.

As 3:30 da manhã acordamos e após café minha esposa saiu e ela ali dormindo num colchão de casal na sala, momento em que sem saber muito o que fazer, liguei o computador e fiquei na mesma situação de antes, notei que ela se contorcia a meia luz e logo se levantou disse “oi” e foi ao banheiro, na volta falei que perdi o sono e ela se sentou no braço do sofá de shorts larguinho abrindo aqueles quadris que me deixa louco, aí, ela disse que dormiu torta e estava doendo o joelho, uma bela desculpa e boa entrada.

Peguei o creme massageador de ervas, mesmo do dia casamento dela e derramei bastante nas coxas dela ficando de joelhos e comecei movimentar. Ela abriu as pernas e vi a berada daquela buceta vermelha arreganhada, ela fechou os olhos fui subindo e cheguei próximo sentindo o calor que tava próximo da tanguinha preta, escorreguei o dedo médio e enfiei um pouco por baixo ela se contorceu mais, aí fui na segunda vez e dei um jeito de afundar mais e molhei toda a mão porquê estava encharcada e audaciosamente continuei já dentro da buceta, achando o grelinho duro e molhado.

Nesse momento ela já sussurrava e gemia bem gostoso e continuei circulando e masturbando aquela buceta magrela e quente com toda a tranquilidade e paz da madrugada só interrompida pelo gemido forte e aquela tremedeira deliciosa de sua gozada. Fui conduzindo ela até o colchão no chão da sala, puxei carinhosamente o shortinho largo que veio junto com a tanguinha preta enrolada e ensopada, aquele cheiro quente de fêmea me deixou louco de tesão e fui enfiando a boca na sua buceta quente e chupei gostosamente como um cãozinho esfregava a língua mole naquela racha enorme, ela gozou bem forte novamente puxando minha cabeça lambuzando meu nariz porque ela é daquelas que goza tipo leite condensado em abundância para minha felicidade.

Aí deitei de costas deixando o pau latejante e duríssimo pra cima ela se ajeitou antes demos aqueles beijos loucos de língua e ela num chupou mas antes de sentar em cima fez uma coisa deliciosa, esfregava o meu pau duro na sua buceta e adorei que falava com raiva do marido coisas como ela quer esse cacete de macho que sabe comer e esfregava muito. Depois sentou com tudo e cavalgava, mas loguinho enchi a buceta da cunhada magrinha gostosa de muita porra.

Agora ficamos na rede social e quando sobrar oportunidade vou fuder ela toda novamente porquê marido dela num mete direito e ela falou que pinto é pequeno fino e goza rápido demais.

10301 views

Contos relacionados

A novinha do rabo grande ... um cuzinho para comer de gula

A novinha do rabo grande ... um cuzinho para comer de gula

LER CONTO

Reencontro de primos e sexo gostoso

Minha prima e eu,  sempre moramos em cidades diferentes porque o pai dela era sempre transferido de cidade devido ao cargo em um banco. Ela é alguns meses mais velha que eu, mas do mesmo ano. Ela...

LER CONTO

Comi o cuzinho da minha empregada

Sou casado, tenho 49 anos, meu trabalho é em casa, e tenho uma loja que minha mulher gerencia e fica no andar térreo, ela fica o dia todo na loja só sobe para almoçar e logo desce para ir para...

LER CONTO

Que delícia! Um filminho cheio de sacanagem onde tudo acontece!

Que delícia! Um filminho cheio de sacanagem onde tudo acontece!

LER CONTO

Grelinho duro e uma boa siririca

Bom dia! Sou uma negra do tom café com leite com mais de 50 anos, uma coroa bem gostosa por ando chamo atenção por onde passo. Tenho as pernas grossas, altura 1,70, bunda média e durinha seios...

LER CONTO

Chupando a bucetinha da namorada na escada

Olá! Meu nome é Luciana(fictício) e vim contar uma história que aconteceu um tempo atrás. Conheci uma garota através da minha amiga, o nome dela é Verena (fictício) 18 aninhos, 1,60 de altura,...

LER CONTO

O dia que o lutador me comeu na rua

Olá, vou contar hoje da segunda melhor experiência da minha vida . Vou me descrever, sou morena, 1,71, gordinha ,mas tudo no lugar, seios grandes, bumbum grande e pernas torneadas e cabelos...

LER CONTO

Dei pro amigo do meu ex na viela

Olá pessoal, vou contar pra vocês uma aventura minha que aconteceu uns dias atrás... Me chamo Rafaela(*), tenho 19 anos, tenho 1.56 de altura, branquinha, cabelos pretos grandes, seios médios,...

LER CONTO

Um Show De Vizinha da xoxota peluda – Capítulo 1

Essa história aconteceu quando eu tinha 18 anos. Morava num pequeno prédio de apartamentos. Uma noite, estava em meu quarto estudando, e de repente comecei a ouvir uns gemidos vindos do quarto de um...

LER CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 1 + 3 = ?
Deixe sua imaginação aflorar com os melhores contos eróticos reais do Brasil. Contos Picantes e Sensuais com textos bem formulados, com uma leitura fácil e agradável. São centenas de contos adultos grátis da melhor qualidade com fotos amadoras das histórias de sexo.
porno - xvideos - contos eroticos - contos eróticos - conto erotico - quadrinhos eroticos - contos de sexo - hentai - hentai porno
© 2022 - Contos eróticos → Contos Pornô com Histórias Reais de Sexo