Contos eróticos → Contos Pornô com Histórias Reais de Sexo » Gay » Como perdi a virgindade do cuzinho dando para varios desconhecidos

Como perdi a virgindade do cuzinho dando para varios desconhecidos

Publicado em novembro 25, 2020
2 votes

Esse conto verídico ocorreu quando tinha 18 anos. Mais especificamente logo uma semana após completar essa idade. Eu era magro, cabelo curto preto e olhos verdes, bem bonito.

Eu sempre tive curiosidade de entrar no cinema pornô e, assim que completei a idade necessária, resolvi arriscar.

Já na entrada meu coração estava em disparada. Mesmo assim tomei coragem e continuei. Vestia uma calça jeans e uma camiseta preta. Logo entrando percebi o forte cheiro de sexo no ambiente.

Sentei numa das cadeiras e comecei a assistir. Estava com muito tesão e muito medo. Não demorou muito e um homem sentou ao meu lado. Ele tirou o pau para fora e colocou minha mão nele. Era a primeira vez que pegava no pinto de outro homem e senti ele quente, pulsando. Logo em seguida ele puxou minha cabeça e me colocou para chupar aquele pinto duro e suado. Sem reação obedeci e logo estava engasgando com aquele pau. Na minha cabeça um pensamento: “então é isso, virei uma putinha”. Depois de um tempo ele falou “vamos la pra cima para eu comer seu cuzinho. Não estava pronto ainda e então recusei. Me afastei e voltei a assistir o filme.

Cuzinho virgem foi arrombado por vários homens

Mas a curiosidade de saber o que acontecia la em cima, subindo as escadas, foi crescendo. Com o tempo fui criando coragem e resolvi ir ver.

La em cima estavam uns seis ou sete homens todos feios, gordos ou bebados. Havia do outro lado da sala duas janelas que davam visão para a tela la embaixo. Os homens todos ficavam passando a mão nos seus paus por cima da calça, se insinuando. E quando me viram, bem novinho, ficaram logo de olho.

Foi ai que tomei coragem e fiz uma das coisas mais loucas em toda minha vida. Fui ate as janelinhas fingindo ver o filme la embaixo e abaixei a calça, me expondo para todos aqueles homens. Nem olhei para trás, mas logo senti uma mão apalpando forte minha bunda. Esse primeiro homem me levou para um canto e me colocou de joelhos, enfiando com força o pinto na minha boca. Não demorou muito e pediu para me comer. Dessa vez decidi que iria deixar.

Levantei, virei de costas para ele e empinei a bunda, esperando e pedi para que usasse camisinha. Logo senti a dor e o pinto entrando em mim. Era uma sensação estranha e dolorida mas estava com muito tesao. Ele me comeu rápido e gozou.

Logo depois outro daqueles homens, nem vi qual pediu para meter também e eu só acenei que sim…. logo uma fila se formou. Eles vinham, metiam forte e rápido, gozavam e deixavam par o próximo. Era um pau desconhecido atrás de outro me fodendo. No terceiro ou quarto gozei sem nem encostar no meu pau. Depois disso o tesão passou e só sentia dor. Mas resolvi deixar ate que todos se satisfizessem. Fiquei la assim, de bunda empinada, cuzinho arrombado e ardendo enquanto um depois do outro me fodia.

Quando finalmente terminaram, meu cuzinho latejava e minhas pernas estavam bambas. Levantei a calça, sai e fui embora, não acreditando na loucura que havia feito.

1852 views
Gay

Contos relacionados

Pegando um bronze

Para Os Sacanas, todo dia é dia de sol... Dona Maria e Aninha pegando um bronze e Carlinhos só de olhos nas duas de topless...

LER CONTO

Na época do troca troca ep 00

Quem é da minha época sabe que a maioria alguma vez fez um troca troca. Eu tenho vários relatos dessa época, com alguns coleguinhas do bairro, apesar de já termos 18 aninhos... Sempre fui...

LER CONTO

Chupando o pau do segurança da balada

Buenas, sou gaúcho, bissexual, tenho 50 anos. Sou muito baladeiro. Fui numa festa, em uma cidade próxima a minha. A festa era num parque municipal. E tenho uma tara por fardados, seguranças e...

LER CONTO

A mãe tarada e o filho nerd

A mamãe super tarada e o filho nerd vão ter uma boa trepada.. Ela está doida para tirar a virgindade do filho...

LER CONTO

O velho vinil de 60 anos me iniciou no mundo bi

Sou Bernardo*  e tinha curiosidade em saber como era uma pegada de macho de preferência homem maduro. Um dia de tarde fria sem fazer nada entrei numa sala de bate papo local. Um cara de nome...

LER CONTO

Perdendo o cabaço do cu

Tudo começou em uma bela tarde de sábado, eu estava em casa atoa quando recebi uma mensagem de um amigo muito próximo (vou chamar ele de Breno*) me convidando para ir até sua casa. Costumávamos...

LER CONTO

Punheta irmão com irmão

Meu irmão era mais novo que eu, mais muito safado e quando ia dormir sempre tocava uma punheta. Era viciado em punheta e eu sempre olhava e claro, quando ele gozava era algo incrível, muita porra, e...

LER CONTO

Dando a bunda pra um amigo separado

Meu nome é Humberto(fictício). Certa noite estava voltando pra casa a pé de um bar. Levava algumas cervejas pra casa. Tava chovendo e frio. De repente para um carro e me oferece carona. Não...

LER CONTO

Meu tio meu grande amor: dando o cuzinho para o titio

O que vou contar aqui aconteceu a muitos anos atrás. Eu estava em casa, era um fim de semana, sozinho, minha mulher tinha ido passar o sábado e domingo na casa da mãe dela. Era mais ou menos 4...

LER CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 1 + 1 = ?
Deixe sua imaginação aflorar com os melhores contos eróticos reais do Brasil. Contos Picantes e Sensuais com textos bem formulados, com uma leitura fácil e agradável. São centenas de contos adultos grátis da melhor qualidade com fotos amadoras das histórias de sexo.
porno - xvideos - contos eroticos - contos eróticos - conto erotico - quadrinhos eroticos - contos de sexo - hentai - hentai porno
© 2021 - Contos eróticos → Contos Pornô com Histórias Reais de Sexo
error: